"A lei é a força colocada a serviço da sociedade para o benefício de todos"
Cesare Beccaria 

 

BuscaPé, líder em comparação de preços na América Latina

Ministro do STJ suspeito de corrupção exige regalias

STF: Medina quer usar carro oficial e receber passagens

O ministro afastado do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Paulo Medina, acusado de prevaricação e corrupção passiva, contesta no Supremo Tribunal Federal (STF) decisão que o proibiu de utilizar carro oficial, requisitar servidores e receber cota anual de passagens aéreas.

A decisão foi tomada pelo Conselho de Administração do STJ, em 16 de dezembro de 2008, após o Supremo determinar o afastamento de Medina do cargo. O ministro é investigado na Corte por suposto envolvimento em venda de decisões judiciais a fim de favorecer a máfia dos caça-níqueis, desarticulada em 2007.

Desde o ano passado, ele é réu em ação penal, acusado de corrupção passiva e prevaricação, e deve permanecer afastado do STJ enquanto durar o processo.

Arquivado em: Ações judiciais, Comportamento, Corrupção, Justiça, Justiça Federal, Juízes, Ministro do Supremo, Personalidades, Poder Judiciário, STF, Tribunais
Publicado em 4 de abril de 2009 às 11:04 por José Mesquita

Termos: , , , , , , ,

Deixe seu comentário

Arquivos

Comentários

Artigos Recentes

Leituras Recomendadas

Sites Recomendados

Oferta Imperdível!


Copyright © 2009 Lei & Ordem. All rights reserved.

Tech Blue designed by Hive Designs • Ported by Free WordPress Themes